Muitas vezes durante a remoção de cárie de um dente ou mesmo quando ocorre uma fratura dental, o parede mais profunda do remanescente dental está localizado a um nível subgengival, ou seja, abaixo da linha da gengiva. Este quadro clínico não é favorável para a confecção de uma restauração, seja ela direta ou indireta (feitas em laboratório). Para tornar este quadro favorável ao procedimento restaurador é necessário deixar a parede dental no nível ou acima da linha da gengiva e isto pode ser feito através do procedimento cirúrgico de aumento de coroa clínica. Esta técnica é muito segura e de simples realização para profissionais qualificados (periodontistas) e é uma alternativa para restaurar aqueles dentes que possuem cavidades que estão localizadas dentro da gengiva. Atualmente o controle medicamentoso pré e pós-operatório permite a realização de procedimentos cirúrgicos de forma muito segura e praticamente indolor.